PARÓQUIA DA IMACULADA CONCEIÇÃO
FESTAS EM HONRA DO DIVINO ESPÍRITO SANTO
Reportagem: Paulo Jorge Cabral (Texto) -  Fátima Sousa e Dela Silva (Fotografias) -  2018-05-20

O Império do Pentecostes, sediado na Paróquia da Imaculada Conceição em Winnipeg, sob a mordomia de José Gravito, Leonardo Sousa e Mário Benevides, realizou-se nos passados dias 18, 19 e 20 de maio.

As festividades em honra do Divino Espírito Santo tiveram início na sexta-feira dia 18 de maio com a recitação do Terço, seguindo-se da bênção das Pensões (carne, pão, massa sovada e vinho) pelo pároco Padre André Lico, e na presença do Padre Tiago Coloni, de paroquianos e irmãos do referido “Império”.

A este ritual associou-se a Banda Lira de Fátima, que como sempre participa nestas festividades. O evento terminou com a “prova da carne” e arraial.

No sábado, dia 19 de maio, o “arraial” consistiu da atuação dos Grupos Folclóricos “Ondas Azuis” da Casa dos Açores” e “ Pérolas da Nossa Banda”, assistiu-se ao concerto pela Banda Lira de Fátima, seguindo-se noite musical pelo Grupo “Alvorada” e do cançonetista da Victor Pontes, natural de Santo António, Capelas, residente em Orlando nos Estados Unidos.

Durante o evento foram efetuadas arrematações, terminando com o sorteio “silent auction” organizado por Nélia Soares. A apresentação do espetáculo esteve a cargo de Henrique Braga.

No Domingo, dia 20 pelas 13 horas foi celebrada Missa Solene, presidida pelo Padre André Lico, coadjuvado pelo Padre Tiago Coloni, que após à referida eucaristia procedeu à coroação das várias mordomias presentes.

De seguida o cortejo processional percorreu as ruas adjacentes à Igreja portuguesa, aonde se incorporou o Cônsul de Portugal em Manitoba, Paulo Jorge Cabral, Centro Cultural Casa do Minho e de várias irmandades com as respetivas coroas e bandeiras, acompanhados pelos acordos da Banda Filarmónica Lira de Fátima e foliões de São Miguel.

Durante o resto do dia de Domingo continuou o arraial, e aqueles que optaram por participar foi servida a tradicional massa sovada e vinho, seguindo-se da distribuição de “rosquilhas” que mais uma vez foram patrocinadas pelas Senhoras da Ilha do Pico, que também se incorporaram no cortejo acompanhadas pela respetiva rainha.

O entretenimento neste dia contou com a atuação dos artistas locais Hermano Silva e Luís Salsa, exibição do Grupo Folclórico “Ondas Azuis” da Casa dos Açores, “Perolas da Nossa Banda, e Rancho da Casa do Minho, e do artista cabeça de cartaz, Victor Pontes, finalizando com concerto pela Banda Lira de Fátima.

Foram efetuadas as “sortes” das “domingas” e nomeado Ricardo “Ricky” Moreira, o mordomo que irá organizar as festas do próximo ano.

O serão terminou com o sorteio da “silent auction” e a apresentação do programa esteve novamente a cargo de Henry Braga.