Double click in the pictures to view photo gallery

Clique na fotografias para ver reportagem fotográfica completa
Escola Portuguesa de Manitoba

Festa de Final de Ano Letivo.

Texto: Paulo Jorge Cabral - 2014-05-31
Fotografias: Tony Gonçalves

Mais um ano letivo terminou para os alunos do programa de Língua e Cultura Portuguesa da Escola Portuguesa de Manitoba, e no passado sábado 31 de Maio decorreu a cerimónia de entrega de diplomas com a participação de muitos alunos, seus encarregados de Educação e familiares.

O programa teve início pelas 11 horas com as boas vindas por Mário Benevides, Coordenador do programa de ensino de Língua e Cultura Portuguesa apoiado pela referida associação.

De seguida presenciou-se a uma apresentação em canto coral dos alunos da escola, que interpretaram várias canções alusivas ao ensino do português, uma apresentação por três alunas do ensino avançado, Brydgete Rodrigues, Nataya Dias e July Soares e uma exibição e explicação de um PowerPoint por Daniel Valente.

Convidado a proferir algumas palavras, o Cônsul de Portugal em Manitoba, Paulo Jorge Cabral agradeceu o contributo da Associação Portuguesa na preservação da Língua e Cultura Portuguesa, através do programa escolar, falou do contributo da língua portuguesa na globalização, como língua de negócios e o seu poder económico.

Logo após procedeu-se a entrega dos diplomas de final de curso pelo Cônsul de Portugal em Manitoba, Paulo Jorge Cabral e pelo coordenador pedagógico Mário Benevides.

Agostinho Bairos, Vice-Presidente do Departamento da Cultura da Associação Portuguesa de Manitoba na sua intervenção agradeceu ao coordenador do programa do ensino de português e a todas a professoras, anunciando um novo projeto que em breve será concretizado com a comunidade brasileira desta província, no que respeito ao ensino do português.

Antes do final do evento Mário Benevides anunciou uma nova classe para o próximo ano com alunos dos 4 aos 6 anos, pediu também entre os encarregados de educação presentes um voluntário que representará os país dos alunos junto da diretoria da escola. A escolha recaiu por unanimidade em Raquel Sineiro, a qual aceitou o cargo.

A festa terminou com um convívio na cantina da Escola, aonde foi servido um lanche.