DÉCIMO SEGUNDO CONVÍVIO ANUAL DO NÚCLEO DE WINNIPEG DA LIGA DOS COMBATENTES.
Double click in the pictures to view photo gallery

Clique na fotografias para ver reportagem fotográfica completa
www.portugueseinmanitoba.com
O Site da Comunidade Portuguesa de Manitoba, Canadá


Reportagem: Maria José Correia (Texto) - João Pedro Correia e Fátima Sousa (Fotografias)

No passado dia 20 de Marco, celebrou-se mais um jantar anual, no Salão de Festas da Associação Portuguesa de Manitoba, promovido pelo Núcleo da Liga dos Combatentes de Winnipeg. Estiveram presentes bastantes individualidades canadianas, civis e militares, que deram um brilho diferente ao serão, tornando este evento deveras espetacular...
Agostinho Bairos, Mestre-de-Cerimónias da noite, esteve impecável na sua apresentação em Inglês e Português.
Ao som da gaita-de-foles tocada por "DOC" Jardine, deu entrada no salão, as bandeiras Canadiana e Portuguesa, conduzidas ao palco por Sargent-Major Boucher e Carlos Oliveira, onde ficaram perfilados, até se ouvirem os hinos, canadiano e português executados "Jazz Combo 17 Wing", que depois deliciariam a assistência com a sua boa música durante o serviço do jantar.
Houve um minuto de silêncio, honrando os nossos soldados desaparecidos, após o toque do “Lamento” por "DOC" Jardine.
O M.C. chamou ao palco para a oração e Acão de graças, Arcebispo D. Richard Gagnon, Pastor da Base Militar 17 Paul Gemenete e Maria José Correia, logo se iniciando a refeição, muito farta e saborosa.
O programa no palco começou com a atuação da menina Katie Bazin, neta do veterano Arsénio Calado, que interpretou no seu violino uma bonita peca de música, a qual foi muito aplaudida.
Vindas da Mulvey School Pow Wow Clube, dançaram com os arcos duas meninas aborígenes que ouviram muitas palmas, durante e depois da sua atuação. A sua ensaiadora e Ms. Nadyne Fontaine e o Principal desta Escola e Joo Pedro Correia, que trocou impressões com as alunas ao microfone, após a sua exibição.
Seguiu-se a atuação de Sebastião Vieira, que cantou três fados, acompanhado pela guitarra de Henrique Dutra. Como surpresa e a pedido, Pedro Correia cantou a cancão espanhola Malaguenha.
Foi anunciado o rancho Juventude que subiu ao palco, dançando quatro danças do nosso folclore, muito alegres e dinâmicos, como sempre.
João Pedro Correia foi o organizador da apresentação “Power Point”, onde apareciam as fotos dos veteranos no tempo da tropa e algumas, mais recentes.
Também foram projetados os nomes dos Patrocinadores. O Núcleo dos Combatentes está muito grato e publicamente lhes agradece.
O Presidente da Liga dos Combatentes de Portugal, General Joaquim Chito Rodrigues, enviou alguns Diplomas de Reconhecimento, que foram entregues por Pedro Correia, Presidente do Núcleo e Luís Vicente, Vice-Presidente.
Os nomeados foram, Mario J. Santos (que também recebeu uma Medalha da Cruz da Liga) Paulo Cabral, Cônsul Português, Amadeu Teixeira, José Correia (ausente) Don Mackey, Coronel Joel Roy da Força Aérea Canadiana e Tom Reimer Ceo dos Commissionars.
António Neves recebeu uma medalha de Dedicação e Serviço da Liga dos Combatentes de Winnipeg.
A viúva de Rui Soares (Fátima Soares) recebeu Diploma dos “Friends of the Monument” e um Certificado como viúva de Combatente.
Houve discursos por Mario J. Santos, Presidente  da Associação Portuguesa de Manitoba., Paulo Cabral, Cônsul de Portugal em Winnipeg, Richard Blackolf (National President of Aboriginal Veterans and Membership of Canada), Inspetor Gordon Friesen (City of Winnipeg Police Services), Assistant Commissionar Kevin Brosseau (Royal Canadian Mountad Police), Coronel Andy Cook (Commander 17 Wing), Coronel Abthorpe, (Commander 38 Brigade), Cindy Gilroy (City Councillor Daniel McIntyre), Andrew Swan (MLA-Minto, Special Envoy for Military Affairs of Manitoba),e por último, Pedro Correia e Luís Vicente (Presidente e Vice-Presidente da Liga dos Combatentes de Winnipeg).
Todos elogiaram, duma forma ou outra, a Acão que o Núcleo da Liga dos Combatentes de Winnipeg tem desenvolvido na boa relação de amizade entre portugueses e canadianos e afirmaram que se sentiam muito felizes por estarem presentes neste evento, tão significativo...
O feliz contemplado do “door prize”, foi o Senhor Azevedo, que recebeu um bom casaco de cabedal, oferta de Peerless Garments, propriedade do senhor Albert Altassi. Outro sorteio, oferecido por Chappel Lawn, saiu a Senhora Theresa Mekinnon (Peace Keeper), que recebeu um fio de ouro. Parabéns aos premiados!
A direção do Núcleo esta muito grata aos voluntaries que lhes deram uma preciosa ajuda: Zita Lopes, Luís Dias, Luís Vicente, Albino Felizardo, Carlos Oliveira, Joe Raposo, Joyce Guerra, António Neves e esposa Maria José, Maria Conceição Oliveira, Leonor Gata, Sr.Raposo, funcionários do Bar, e a equipa da cozinha, sua diretora e a Sra. Arminda Domingos. A todos, muito obrigado!
Houve convites para as Organizações: Casa do Minho, Casa dos Acores, Associação Portuguesa de Manitoba, Banda Lira de Fátima, jornal O Mundial, Radio Voz Lusitana, Liga Solidaria da Mulher Portuguesa, Cônsul de Portugal, que assistiram ao jantar e a quem agradecemos a presença.
A encerrar o serão, veio ao palco o nosso conceituado amigo e cantor Joao Pimentel que cantou e encantou toda a gente. A primeira cancão da sua autoria, foi cantada em Inglês, um gesto muito simpático da sua parte para com os nossos convidados canadianos!... Depois veio a alegre música portuguesa, que alegrou toda a gente... E assim terminou mais um jantar do Núcleo da Liga dos Combatentes de Winnipeg! Até sempre...