Casa do Minho de Winnipeg Comemora o 45º Aniversário

Reportagem: Paulo Jorge Cabral (Texto) - Dela Silva (Fotografias) - 04.MAIO.2019
Foi de casa cheia que no passado dia 4 de Maio de 2019 a Casa do Minho, recebeu os seus sócios e amigos para a celebração do Quadragésimo Quinto Aniversario de sua fundação.

Casimiro Rodrigues foi o mestre-de-cerimónias do evento, que após as boas-vindas, convidou o Rev. Padre André Lico a proferir algumas palavras, que relembrou a importância da história da Casa do Minho nos seus 45 anos de existência. Nas palavras do Padre Lico “Quem não tem história não consegue alcançar o futuro”. Uma história feita de vitórias e conquistas, mas também de perdas e dificuldades, que permitem a todos dar graças pela continuação desta instituição.

O jantar foi servido, e como sempre a Casa do Minho apresentou uma soberba ementa, preparada e servida pelos voluntários da "casa", que consistiu de sopa, bacalhau à Brás, lombo de porco estufado, acompanhado de batata assada e legumes salteados, terminando com uma mousse de chocolate como sobremesa.

Atuaram todos os ranchos da Casa do Minho dos mais novos, "Sonhos" seguindo-se o grupo “Esperança”, ”Perolas do Atlântico”, “Aldeias de Portugal” e por fim os mais maduros no grupo “Tradicionais”.

A esta atuação de ranchos folclóricos associaram-se ao evento o Grupo Folclórico "Ilhas de Bruma" da Casa dos Açores, Romenos e Chilenos.

Casimiro Rodrigues anunciou os convidados que se encontravam presentes, salientando a presença do deputado Federal Robert-Falcon Ouellette, Paulo Jorge Cabral, Cônsul de Portugal em Manitoba, Maria do Carmo Cabral, Presidente da Liga Solidária da Mulher Portuguesa de Manitoba, Pedro Correia, Presidente do Núcleo de Winnipeg da Liga dos Combatentes, Luís Dias, Presidente da Banda Lira de Fátima, João Paulo Melo, Presidente da Casa dos Açores, Albino Felizardo em representação da Associação Portuguesa de Manitoba, Walter Rodrigues, Presidente da Câmara Portuguesa do Comércio, João Cardoso, Sally Correia e Tony Guerreiro, representantes da comunicação social portuguesa sediada em Manitoba.

Após o jantar discursou o Deputado Robert-Falcon Ouellette, que em nome do Governo do Canadá presenteou a Casa do Minho com um "certificado" comemorando a efeméride.

O Cônsul de Portugal, Paulo Jorge Cabral subiu ao palco, para nos falar de como a Casa do Minho evoluiu desde o sonho do seu fundador, o Senhor José Vieira, tornar o folclore minhoto nesta cidade mais visível até à organização que hoje representa e dignifica a região do Minho e Portugal.

Continuou os discursos com a intervenção do Presidente atual, Filipe Alves, que nos guiou num percurso histórico da Casa do Minho, agradecendo todos os voluntários, especialmente o setor da cozinha, que os agraciou com uma placa comemorativa.

Terminou os discursos, João Marques, Presidente da Mesa da Assembleia Geral, que em inglês, agradeceu a presença dos convidados, salientando os setores que operam a Casa do Minho, dando enfase ao do folclore que tem evoluído nestes últimos anos.

Seguiu-se a cerimónia do corte do bolo de aniversário, com a presença do Deputado Federal, Cônsul de Portugal e membros da Direção da Casa do Minho.

A noite terminou ao som do grupo musical "SANCARLOS", formado pelos músicos e interpretes, Sandra Resendes e Carlos Vieira, que interpretaram várias músicas do seu vasto reportório.
WINNIPEG WEATHER / METREOLOGIA