Double click in the pictures to view photo gallery

Clique na fotografias para ver reportagem fotográfica completa
PIQUENIQUE ANUAL DA BANDA FILARMÓNICA LIRA DE FÁTIMA

Por: Paulo Jorge Cabral (Texto) - Nélia Soares (Fotografias)

O Parque Recreativo e Desportivo da Associação Portuguesa de Manitoba, em Saint Laurent, conhecido por “Parque Português” foi este ano o local escolhido pela Banda Lira de Fátima, que no passado dia 5 de julho organizou o seu piquenique anual, aonde participaram mais de duas centenas de pessoas, entre elas, músicos, diretores, seus familiares, amigos e simpatizantes.

O “Parque Português” que dista de Winnipeg cerca de 80 Km ao norte, é lugar privilegiado por muitos portugueses para este tipo de atividade, pois oferece todas as condições para a prática de campismo desposto, espaços verdes para o lazer, e o Twin Beech no lago Manitoba muito perto para os entusiastas da pesca e desporto aquático de vela e motorizado.

A este evento associaram-se ao referido piquenique Paulo Jorge Cabral, Cônsul de Portugal em Manitoba, Padres André Lico e Tiago Coloni, Irmãs Dédé e Carina, Dr. Mário Jorge Santos, Presidente da Associação Portuguesa de Manitoba, João Paulo Melo, Presidente da Casa dos Açores, Pedro Correia, Presidente do Núcleo de Winnipeg da Liga de Combatentes, Jucelinda Guerra, Diretora e proprietária do jornal “O Mundial” e muitos dirigentes associativos de várias organizações comunitárias.

Por volta das 14 horas foi servido a merenda preparada pelos voluntários da banda, aonde entre outros não faltou o frango grelhado e uma sempre desejada sardinha portuguesa, como também iguarias norte-americanas como hamburgers e cachorros quentes.

Padre André Lico, Presidente da Assembleia Geral da Banda, agradeceu a presença de todos, e de igual modo agradeceu aos músicos e diretores pelo contributo da banda na preservação da nossa cultura. Terminou anunciando vários aniversários natalícios que se celebravam em simultâneo com o piquenique.

Depois do almoço iniciou-se o convívio, muitos jovens optaram por atividades desportivas, banharem-se na piscina do parque, os mais idosos conversavam, outros jogavam às cartas e ao dominó, ou apenas repousavam ao som de uma orquestra de acordeões e concertinas que animavam os convivas, e atraíram muitos dançarinos ao local e iniciaram um “bailinho furado”.

O presidente da Banda Luís Dias, e seus Directores estão de parabéns por mais um evento de sucesso.
O convívio terminou ao final da tarde e aí iniciou-se o regresso à cidade de Winnipeg.